Etec é a Melhor do Enem entre as escolas estaduais de Marília

A Etec Antonio Devisate obteve a melhor média no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2015 entre as escolas estaduais de Marília. Com média na redação de 668 e média objetiva (leva em conta notas […]

5 de outubro de 2016 7:59 am Notícias

A Etec Antonio Devisate obteve a melhor média no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2015 entre as escolas estaduais de Marília. Com média na redação de 668 e média objetiva (leva em conta notas de linguagem, matemática, ciências da natureza, ciências humanas) de 586 a escola figura na posição 1.522 no ranking nacional, que traz o desempenho de 14.998 instituições que tiveram as notas divulgadas pelo MEC na tarde desta terça-feira (04). Entre as 17 escolas de ensino médio analisadas em Marília, apenas sete são da rede estadual. Na classificação geral, a Etec figura na 4ª colocação, ficando atrás apenas das instituições privadas.

A primeira do ranking entre as escolas de Marília é o Colégio Criativo, instituição privada que obteve média geral de 620 e média de redação de 774, figurando na 533ª posição no cenário nacional. Entre os critérios utilizados pelo MEC para reprovar uma escola no Enem, está nota abaixo de 450 pontos em pelo menos uma das quatro provas e média na redação inferior a 500. Sendo assim, a última escola estadual de Marília a figurar do ranking estaria reprovada no Enem.

VEJA O RANKING DAS MELHORES DE MARÍLIA

A líder em todo o Brasil, é o Colégio Objetivo de São Paulo, capital, também do ensino privado, com média geral de 751 e redação de 813. A primeira escola estadual a aparecer no ranking nacional é a Etec da capital paulista, na 118ª posição, com nota 656 e 712 na redação. A lanterna, é a escola estadual Quilombola 27 de Maio, na cidade de Porto da Folha, no Sergipe, com média geral de 413 e redação e 394.

VEJA AQUI O RANKING COMPLETO

Os dados do Enem 2015 abrangem resultados de 14.998 escolas de todo o país. Nelas, 1.212.908 estudantes fizeram a prova. A comparação entre as médias aritméticas das provas objetivas mostram um abismo entre as escolas privadas e públicas.

Neste ano, das 100 escolas com maior nota média no, 97 são privadas. No universo de mil escolas, somente 49 são da rede pública. No ano anterior, eram 93, e em 2013, 78.

Os resultados das provas do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) por Escola 2015 indicam que 38% das instituições seriam “reprovadas” no teste do ensino médio, segundo os critérios do próprio MEC (Ministério da Educação) para a certificação do ensino médio.

São 5.642 escolas que tiveram notas médias menores que 450 pontos em, ao menos, uma das quatro provas objetivas (linguagens, matemática, ciências humanas e ciências da natureza) ou não alcançaram a média de 500 pontos na redação do exame. Esses são os parâmetros mínimos usados pelo MEC para conceder a certificação do ensino médio a estudantes por meio do Enem.

Das 14.998 escolas com informações divulgadas pelo ministério nesta terça-feira (4), 3,4 mil escolas reprovaram em duas ou mais provas do exame nacional –sendo que 507 escolas “bombaram” em quatro dos cinco testes. Nenhuma instituição foi “reprovada” em todas as provas.

Dentre as reprovadas, 2.114 escolas ficam no Nordeste. O Sudeste tem 1.581 instituições. Outras 682 escolas ficam no Centro-Oeste. A região Sul e a Norte têm o menor número de escolas: 662 e 603, respectivamente.

O MEC divulga apenas as notas médias das escolas em que ao menos 50% dos alunos do terceiro ano do ensino médio fizeram o Enem 2015 e que somam 10 participantes ou mais. Em 2015, os estudantes de 25.777 escolas prestaram o Enem. No entanto, as notas de 14.998 instituições foram divulgadas.

Segundo o Censo Escolar, o Brasil tem 183,4 mil escolas com salas de aula de ensino médio. Há 2,1 milhão de alunos matriculados no terceiro ano desta etapa escolar.

Fonte: Site Giro Marília
http://www.giromarilia.com.br/noticia/educacao/etec-e-a-melhor-do-enem-entre-as-estaduais-de-marilia/7216
04/10/2016 as 17:20h
Redação Giro Marília

Compartilhe


Veja também